Brigas e arranhadelas

Estive a ponderar se vos contava ou não esta história...
Mas aqui vai, o Nobita portou-se muito muito mal. Eu não sou de fazer queixinhas, mas ele arranhou-me e bateu-me. 
Tudo começou há umas semanas atrás quando eu estava descansadinha a dormir na minha cama castelo e ele também queria vir dormir comigo. Eu refilei e disse que não podia e então numa questão de segundos aquele malvado atirou-se a mim. Mandou-me uma grande patada no meu rico nariz e bateu-me muito. Isto tudo porque me apanhou desprevenida, se eu estivesse preparada para o combate isto nunca acontecia, porque eu sou muito boa em brigas, sou uma gata lutadora. 
Quando ele parou para recuperar o fôlego eu virei a situação e pumba, toma lá umas quantas também Nobita. 
Á custa disto fiquei com o meu nariz inchado e durante um dia não conseguia por a minha pata no chão. O Nobita também ficou com o nariz arranhado para aprender.
Quando a minha dona ouviu a briga veio logo separar-nos e deu um sermão aos dois. Mas eu não aceitei o sermão, quer dar sermões dê ao Santo Antônio e aos peixes. Eu nem tive culpa, a única culpa que eu tive foi de estar descansada na minha cama a dormir. 


E no fim da noite o Nobita acabou por vir dormir para a minha cama castelo, totalmente contra a minha vontade.

Miaus e Ronrons. Shizuka