Ano Novo - Resumo

Outra vez coisas atrasadas neste blog? 60 dias depois da passagem de ano é que esta gata vem para aqui falar disso?
Então eu cá vos digo, outra vez, o blog é meu e tal e tal. E depois a minha dona esteve ocupada com os exames, como já deviam de saber, por isso só agora, 60 dias depois é que vos digo como foi a minha passagem de ano.

Foi muito boa, tal como tudo onde eu estou metida, é tudo ótimo.

Passei o ano com a minha família, comi muito, dormi muito, bebi muita água, diverti-me muito ao ver o Nobita cheio de medo dos foguetes e descansei muito.

Resumindo e concluindo entrei no ano 2015 feliz e com saúde, e isto é o que continuo a desejar a todos, saúde e amor. 



Jogámos muito Trivial Pursuit. E também fizemos muita batota. Nunca vi um jogo com tanta batota. E sim, a fotografia está muito desfocada, mas foi a única tirada durante o jogo.

Também comemos muitas pipocas. Sem açúcar. 

Quando fomos para a cama este era o nosso estado. O Nobita não conseguia abrir os olhos porque já estava de ressaca (ressaca de ter tanto medo do barulho todo que se fez), e eu estava impecável. Tenho um olho mais aberto que o outro porque estava a piscar o olho para a foto e tenho o nariz sujo porque me apetecia.

A primeira manhã do ano. O Nobita continuou na sua ressaca do medo e esteve toda a manhã escondido (as escolhas literárias da minha dona também não o ajudam a ser menos medroso).

E aí está, a minha passagem de ano muito muito resumida.

Miaus e Ronrons. Shizuka