Nomeados aos Óscares 2015

Olá,

Como vos disse na quinta-feira, estive toda viciada a ver as nomeações aos Óscares em direto, mas fiquei seriamente desiludida com algumas.


Primeiro a lista de nomeados:

Melhor Filme: 
-- Sniper Americano
-- Birdman
-- Boyhood
-- O Grande Hotel Budapeste
-- O Jogo da Imitação
-- Selma
-- A Teoria de Tudo
-- Whiplash - Nos Limites


Melhor Realizador: 
-- Alejandor Gonzalez Iñárritu (Birdman) 
-- Richard Linklater (Boyhood) 
-- Bennett Miller (Foxcatcher) 
-- Wes Anderson (O Grande Hotel Budapeste) 
-- Morten Tyldum (O Jogo da Imitação) 


Melhor Ator Principal: 
-- Steve Carell (Foxcatcher)
-- Bradley Cooper (Sniper Americano)
-- Eddie Redmayne (A Teoria de Tudo)
-- Benedict Cumberbatch (O Jogo da Imitação)
-- Michael Keaton (Birdman)


Melhor Ator Secundário:  
-- Robert Duvall (The Judge)
-- Ethan Hawke (Boyhood)
-- Edward Norton (Birdman)
-- Mark Rufallo (Foxcatcher)
-- J.K.Simmons (Whiplash - Nos Limites)


Melhor Atriz Principal: 
-- Marion Cotillard (Dois Dias, Uma Noite)
-- Julianne Moore (Still Alice)
-- Rosamund Pike (Em Parte Incerta)
-- Felicity Jones (A Teoria de Tudo)
-- Reese Whiterspoon (Wild)


Melhor Atriz Secundária:
-- Patricia Arquette (Boyhood)
-- Laura Dern (Wild)
-- Keira Knightley (O Jogo da Imitação)
-- Meryl Streep (Caminhos da Floresta)
-- Emma Stone (Birdman)


Melhor Filme de Animação: 
-- Big Hero 6
-- Os Monstros das Caixas
-- Como Treinares o Teu Dragão 2
-- Song of the Sea
-- The Tale of the Princess Kaguya 


Melhor Guarda-Roupa: 
-- O Grande Hotel Budapeste - Milena Canonero 
-- Vício Intrínseco - Mark Bridges 
-- Caminhos da Floresta - Colleen Atwood 
-- Maléfica - Anna B. Sheppard e Jane Clive 
-- Mr. Turner - Jacqueline Durran 


Melhor Fotografia:
-- Birdman (Emmanuel Lubezki)
-- O Grande Hotel Budapeste (Robert Yeoman)
-- Ida (Lukasz Zal and Ryszard Lenczewski)
-- Mr. Turner (Dick Pope)
-- Invencível (Roger Deakins)


Melhor Documentário:
-- Citizenfour (Laura Poitras, Mathilde Bonnefoy e Dirk Wilutzky)
-- Finding Vivian Maier (John Maloof e Charlie Siskel)
-- Last Days in Vietnam (Rory Kennedy e Keven McAlester)
-- The Salt of the Earth (Wim Wenders, Juliano Ribeiro Salgado e David Rosier)
-- Virunga (Orlando von Einsiedel and Joanna Natasegara)


Melhor Curta Documental: 
-- Crisis Hotline: Veterans Press 1 (Ellen Goosenberg Kent and Dana Perry)
-- Joanna (Aneta Kopacz)
-- Our Curse (Tomasz Sliwinski and Maciej Slesicki) 
-- The Reaper - La Parka (Gabriel Serra Arguello)
-- White Earth (J. Christian Jensen)


Melhor Montagem:
-- Sniper Americano (Joel Cox e Gary D. Roach)
-- Boyhood (Sandra Adair)
-- O Grande Hotel Budapeste (Barney Pilling)
-- O Jogo da Imitação (William Goldenberg)
-- Whiplash - Nos Limites (Tom Cross)


Melhor Filme Estrangeiro:
-- Ida - Polónia 
-- Leviathan - Rússia 
-- Tangerines - Estónia 
-- Timbuktu - Mauritânia 
-- Wild Tales - Argentina 


Melhor Caracterização:
-- Foxcatcher (Bill Corso e Dennis Liddiard)
-- O Grande Hotel Budapeste (Frances Hannone Mark Coulier)
-- Guardiões da Galáxia (Elizabeth Yianni-Georgiou e David White)


Melhor Música:
-- Everything is Awesome (O Filme Lego)
-- Glory (Selma)
-- Grateful (Beyond the Lights) 
-- I’m Not Gonna Miss You (Glen Campbell…I’ll Be Me)
-- Lost Stars (Begin Again)


Melhor Banda Sonora:
-- O Grande Hotel Budapeste (Alexandre Desplat)
-- O Jogo da Imitação (Alexandre Desplat)
-- Interstellar (Hans Zimmer)
-- Mr. Turner (Gary Yershon)
-- A Teoria de Tudo (Jóhann Jóhannsson)


Melhor Direção Artistica:
-- O Grande Hotel Budapeste (Adam Stockhausen, Anna Pinnock)
-- O Jogo da Imitação (Maria Djurkovic, Tatiana Macdonald)
-- Interstellar (Nathan Crowley, Gary Fettis)
-- Caminhos da Floresta (Dennis Gassner, Anna Pinnock)
-- Mr. Turner (Suzie Davies, Charlotte Watts)


Melhor Curta de Animação:
-- The Bigger Picture
-- The Dam Keeper
-- Feast
-- Me and my Moulton
-- A Single Life


Melhor Curta-Metragem:
-- Aya (Oded Binnun e Mihal Brezis)
-- Boogaloo and Graham (Michael Lennox e Ronan Blaney)
-- Butter Lamp - La Lampe Au Beurre De Yak (Hu Wei e Julien Féret)
-- Parvaneh (Talkhon Hamzavi e Stefan Eichenberger)
-- The Phone Call (Mat Kirkby e James Lucas)


Melhor Montagem de Som:  
-- Sniper Americano (Alan Robert Murray e Bub Asman) 
-- Birdman (Martín Hernández e Aaron Glascock)
-- O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos (Brent Burge e Jason Canovas)
-- Interstellar (Richard King)
-- Invencível (Becky Sullivan e Andrew DeCristofaro) 


Melhor Mistura de Som:  
-- Sniper Americano (John Reitz, Gregg Rudloff e Walt Martin)
-- Birdman (Jon Taylor, Frank A. Montaño e Thomas Varga)
-- Interstellar (Gary A. Rizzo, Gregg Landaker e Mark Weingarten)
-- Invencível (Jon Taylor, Frank A. Montaño e David Lee)
-- Whiplash - Nos Limites (Craig Mann, Ben Wilkins e Thomas Curley)


Melhores Efeitos Especiais:
-- Capitão América: O Soldado do Inverno (Dan DeLeeuw, Russell Earl, Bryan Grill e Dan Sudick)
-- Planeta dos Macacos: A Revolta (Joe Letteri, Dan Lemmon, Daniel Barrett e Erik Winquist)
-- Guardiões da Galáxia (Stephane Ceretti, Nicolas Aithadi, Jonathan Fawkner e Paul Corbould) 
-- Interstellar (Paul Franklin, Andrew Lockley, Ian Hunter e Scott Fisher)
-- X-Men: Days of Future Past (Richard Stammers, Lou Pecora, Tim Crosbie e Cameron Waldbauer)


Melhor Argumento Adaptado: 
-- Sniper Americano (Jason Hall)
-- O Jogo da Imitação (Graham Moore)
-- Vício Inerente (Paul Thomas Anderson)
-- A Teoria de Tudo (Anthony McCarten)
-- Whiplash - Nos Limites (Damien Chazelle)


Melhor Argumento Original: 
-- Birdman (Alejandro G. Iñárritu, Nicolás Giacobone, Alexander Dinelaris, Jr. & Armando Bo) 
-- Boyhood (Richard Linklater)
-- Foxcatcher (E. Max Frye e Dan Futterman)
-- O Grande Hotel Budapeste (Wes Anderson e Hugo Guinness)
-- Nightcrawler (Dan Gilroy) 


Antes de mais quero dizer que ainda não vi todos os filmes envolvidos nestas nomeações, está na minha lista de coisas a fazer até à cerimónia. Todos os anos eu e a minha dona mais nova vimos a cerimónia toda, e eu gosto de ver todos os filmes, ou pelo menos quase todos, porque durante a cerimónia gosto de fazer intervenções inteligentes e mostrar à minha dona mais nova (que é a única que vê tudo e não adormece) quem é que realmente entende de cinema.
Se conseguir ter tempo até lá ainda vou fazer as minhas apostas para os vencedores aqui no blog (eu sou uma gata muito ocupada, entre o meu plano de dominar o mundo, as minhas sestas e refeições não tenho quase tempo livre nenhum).

Quanto à minha opinião em relação às nomeações, fiquei surpreendida chocada com algumas, ou melhor com a ausência delas. Primeiro estava à espera de mais filmes nomeados para a categoria de melhor filme, onde está o Nightcrawler, o Gone Girl? Depois (e refiro mais uma vez que ainda não vi os filmes todos) não estava à espera do Steve Carell e do Bradley Cooper na categoria de melhor ator, apesar do Bradley já ir no terceiro ano consecutivo. Depois de ter sido nomeado nos Globos de Ouro, nos Bafta e nos Screen Actors Guild Awards estava à espera que o Jake Gylenhall (com Nightcrawler) recebesse uma nomeação (bem merecida!). Quanto à categoria de melhor atriz principal fiquei surpreendida com a nomeação de Marion Cotillard, não me levem a mal, a senhora é uma ótima atriz e é linda, mas estava a fazer conta que a Jennifer Aniston fosse nomeada. Na categoria de melhor atriz secundária, para variar temos a Meryl Streep com a sua 19ª nomeação. Apesar da senhora ser uma atriz magnifica, acho que já é regra estar nomeada, e pelo que li, o filme em questão não é assim grande coisa.

Conclusão da coisa, os filmes "Birdman" e "O Grande Hotel Budapeste" estão à frente na corrida aos óscares com nove nomeações cada um. Depois temos "A Teoria de Tudo" com oito, "Boyhood" e "Sniper Americano" com seis.
Na minha humilde opinião acho que faltou diversidade nestas nomeações. Acho que quem vota para as nomeações tinha 15 filmes para escolher entre todas as categorias e ponto final. Existiram muitos bons filmes no ano passado que mereciam destaque nesta cerimónia, mas enfim, como ainda não tenho poder para mandar nestas coisas, vou mandando bitaites aqui em casa e no meu querido blog. Se eu mandasse as coisas eram muito mas muito mesmo diferentes...

Podem apontar nas vossas agendas, dia 22 de fevereiro, a maior cerimónia de cinema com apresentação de Neil Patrick Harris da minha querida "How I Met Your Mother" (saudades!). Acho que vai ser a única coisa de jeito na cerimónia.

Miaus e Ronrons. Shizuka